O que é o OEE no TPM?

O que é o OEE no TPM?


OEE (Overall Equipment Effectiveness) é uma métrica que identifica a porcentagem de tempo de produção prevista que é verdadeiramente produtiva. Ele foi desenvolvido para apoiar as iniciativas de TPM por meio do rastreamento com precisão o progresso no sentido de alcançar “produção perfeita“. E o que é uma produção perfeita? Uma pontuação OEE de 100% é a produção perfeita. Uma pontuação OEE de 85% é de classe mundial para a indústria manufatureira. Uma pontuação OEE de 60% é bastante típico para a indústria manufatureira. Uma pontuação OEE de 40% não é incomum para os fabricantes sem TPM e/ou programas de Lean Seis Sigma. O OEE consiste de três componentes, cada qual mapeando cada uma das metas do TPM estabelecidas no início deste tópico, e cada um leva em conta um tipo diferente de perda de produtividade. Disponibilidade: Zero Paradas Leva em conta as perdas de disponibilidade, que inclui todos os eventos que param a produção planejada por um período considerável de tempo (normalmente vários minutos ou mais). Exemplos incluem paradas não planejadas (tais como avarias e quebras) e paradas planejadas (tais como as trocas e manutenção). Desempenho: Ausência de pequenas paradas ou redução de velocidade Leva em conta a perda de desempenho, por isso, são incluídos nessa análise todos os fatores que levam a linha de produção a operar em velocidades mais baixas do que a máxima possível. Exemplo incluem tempo de ciclos mais longo ou pequenas paradas. Qualidade: Zero Defeitos Leva em conta a perda da qualidade, por isso, são incluídos nessa análise todos os fatores que levam as peças produzidas não se enquadrarem nos padrões de qualidade, incluindo as peças que precisam de retrabalho. Exemplos incluem a produção rejeitada ou a produção perdida na partida da linha. OEE: Produção Perfeita Leva em conta todos os prejuízos (perda de disponibilidade, perda de desempenho, e perda de qualidade), resultando em uma medida de tempos de fabricação verdadeiramente produtivos. Como pode-se notar, o OEE é rigidamente acoplado com as metas de TPM. Zero paradas (medido por Disponibilidade), sem pequenas paradas ou redução de velocidade (medido pelo desempenho) e sem defeitos (medido por qualidade). É extremamente importante para medir OEE a fim de expor e quantificar as perdas de produtividade, e, a fim de medir e acompanhar melhorias resultantes de iniciativas de TPM.